Este ano foi demais!!

Creio que o ano de 2016 ficará armazenado em partição WORM (Write Once Read Many) da memória da maioria de nós! Tantos fatos e eventos que merecem ser guardados para sempre.

A Olimpíada digital – não só o Brasil mostrou que tem competência, como encantou o mundo mostrando através dos mais diversos canais digitais a hospitalidade do povo, a beleza do País e o fascínio da cultura. Não esqueço da noite que estava no Boulevard Olímpico e uma alemã que estava acompanhando me disse que não sabia como agradecer aqueles momentos que nunca iria esquecer. Detalhe: algumas horas antes os seus pais a haviam visto torcendo na arquibancada, on-line, sentadinhos no sofá perto de Hamburg. E a avisaram via WhatsApp que ela estava na TV na Alemanha.

Salão do Automóvel – acho que é questão de tempo para o nome do evento mudar. Não sei se a conectividade com as tecnologias embutidas, as novas formas de tração ou a adoção da economia compartilhada pelas montadoras que mais chamou a atenção. Apresentada como uma feira com foco em “tecnologia e da conectividade” permitiu identificar claramente como o automóvel se torna cada vez mais um dispositivo digital. E o aroma da gasolina vai desaparecendo para ficarem os motores elétricos. E o uso deste dispositivo digital (o veículo) passa a estar inserido no contexto da economia compartilhada com novos modelos de uso. O Audi Share já é um passo neste sentido no Brasil. “No futuro, todos os veículos vão ser elétricos – e compartilhados”, disse Wozniak.

Normatização – ABNT e BACEN – Este ano termina com um amadurecimento da indústria brasileira de gestão documental via a definição de normas. A ABNT publicou as duas primeiras NBR para a gestão de documentos de arquivo (e tem mais algumas já em andamento) e o BACEN define regras para a digitalização de documentos de processos financeiros de bancos, com padrões de arquivo, resoluções. Em 2017 vamos começar a assistir as organizações se preocupar com conformidade em gestão documental.

Nova certificação – a AIIM revisou a certificação AIIM ECM e atualizou inclusive o nome à luz das evoluções tecnológicas. Em 2017 teremos a nova certificação AIIM ECM Implementation Specialist e a atualização do módulo AIIM ECM Specialist. O programa foi traduzido este ano e será ministrado em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre.

Mudança dos requisitos do eleitor – na cidade onde durmo, havia entre os candidatos a prefeito, a esposa de um ex-prefeito (ela é deputada), um prefeito, um ex-prefeito e um dentista. Nas ruas todos afirmavam que a deputada iria ganhar. Mas nas conversas íntimas diziam que iriam votar no dentista, apesar de ele não ter chance. Pois ganhou o dentista e a deputada ficou em quarto lugar. Quantas vezes vimos isto acontecer neste ano? Candidatos que não eram políticos e que tinham 18% de chance segundo a imprensa, vencendo as eleições? Isto é uma forte demonstração de desejo de mudança! Tanto das pessoas quanto sobre a forma de fazer!

Acabamos de ver como 2016 foi rico, seja com novos modelos de gestão pública a partir de 2017, seja na incorporação de novas tecnologias na nossa vida e na forma de se fazer as coisas. Que neste novo ano todos sejamos mais felizes e que tenhamos mais sucesso nesta nova Era que estamos vivendo. Afinal, segundo Charles Darwin, “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente. Quem sobrevive é o mais disposto à mudança”. E, segundo Tim Cook (president da Apple) apud Martin Luther King, “If you can’t fly, then run. If you can’t run, then walk. If you can’t walk, then crawl, but whatever you do you have to keep moving forward.” Esta dica nos lembra que só iremos melhorar o mundo nos movendo para a frente.